Microsoft patenteia sistema operacional instantâneo baseado em nuvens

Cansado de ficar olhando o logotipo do Windows congelado na tela enquanto o sistema carrega?

Pois saiba que lá em Redmond já estão trabalhando para corrigi essa chateação, e não, eles não colocaram uma tela de inicialização diferente, será algo bem melhor: um sistema operacional que roda em streaming instantâneo.

A Microsoft entrou com um pedido de patente intitulado “Fast Machine Booting Through Streaming Storage” (Máquina de inicialização rápida através de armazenamento em Streaming). Descrevendo uma série de sistemas de armazenamento em rede local que a Microsoft chama de “camadas” que seriam usado para inicializar tablets, computadores pessoais, smartphones e outros dispositivos. O sistema operacional seria baseado em nuvem e constituindo em um ambiente virtual que iria priorizar os recursos conforme fossem demandados para execução de aplicativos.

O novo sistema implicaria na inicialização mais rápida, uma vez que as camadas que contém o sistema operacional estaria disponível imediatamente em vez de serem carregadas e salvas como uma imagem local antes da execução.

Praticamente qualquer dispositivo de rede poderia usar o sistema proposto, a Microsoft faz até a especificação deles: computadores pessoais, servidores, dispositivos de mão ou laptop, tablets, sistemas de multiprocessadores, sistemas com microprocessador, set top boxes, aparelhos eletrônicos programáveis, PCs de rede, microcomputadores, computadores mainframe, ambientes de computação distribuída.

Por enquanto tudo não passa de uma patente, provavelmente ainda vamos esperar, algum tempo para ver o projeto em funcionamento, mas não fique surpreso se a qualquer momento surgir algum anúncio bombástico da Microsoft noticiando o novo sistema.

microsoft-patent-application

[Vía Electronista]
Compartilhe Também:

Comentários(2)

Deixe seu comentário