Compartilhe com um Amigo:

Nós consumimos até um terço de toda a energia residencial na cozinha e na lavanderia. Isso acontece porque eletrodomésticos pesados como lavadoras de roupas, secadoras, refrigeradores e lava-louças sugam consideráveis quantidades de energia para operarem diariamente.

De fato, os refrigeradores geralmente sugam a maior quantidade de eletricidade entre todos os eletrodomésticos comuns.

Mas um acessório de cozinha proeminente está visivelmente fora desta lista. E quanto aos fogões que cozinham os alimentos que passam pelos refrigeradores famintos por energia? Mesmo a Energy Star, medida do governo americano para as emissões de gás pelos bens de consumo causadoras do efeito estufa, não emite padrões de utilização de energia para fogões.

O Departamento de Energia dos EUA. estima que o ato de cozinhar responde por 4,5% da energia consumida em casa. Por causa de ela ser uma fatia relativamente pequena das emissões de carbono domésticas, a questão sobre se um fogão a gás ou elétrico poupa mais energia não é tão importante para as pessoas que procuram minimizar suas emissões de carbono.

Mesmo assim, uma delas possui quaisquer vantagens sobre a outra, particularmente para os chefes casuais que estão entre nós?

Por causa dos queimadores a gás fornecerem calor instantâneo e de os cozinheiros terem um maior controle sobre as temperaturas, eles consomem menos energia do que seus concorrentes elétricos. Ao ligar um fogão a gás, você instantaneamente tem uma chama, enquanto que os fogões elétricos requerem mais tempo para aquecerem e esfriarem. E também, os modelos mais novos que utilizam a ignição elétrica em vez de uma boca acesa de maneira contínua utilizam até 40% menos gás.

Veja também

O calor que sentimos dos fogões elétricos nos remete às usinas de carvão, este processo gasta três ou quatro unidades de combustível contra uma unidade de eletricidade. Ao mesmo tempo, os fogareiros a gás não são também ambientalmente perfeitos, uma vez que estão conectados aos canos de gás natural.

Se estiver no mercado procurando um fogão novo e se deseja reduzir a emissão de carbono com a preparação da comida, você deve considerar um modelo que funcione por indução.

indução gera calor mais rapidamente, acelerando magneticamente as moléculas de metal do aço, do ferro fundido e de algumas panelas de aço inoxidável. Ao remover a panela da boca, o fogão também resfria muito mais rapidamente.

Por conformar com estes metais específicos, um fogão por indução transfere 90% do calor para a panela. Por outro lado, um queimador a gás transfere de 35 a 40% do calor para a panela em cima dele e o elétrico transfere 70%. Apenas tenha cuidado, pois o preço pode assustar. “Cooktops” por indução podem custar entre US$700 e US$1.300 o modelo médio. Modelos padrões a gás e elétricos chegam a um pouco mais de US$300.

Quando se trata de consumo de energia, a maneira como você cozinha tem mais a ver do que o fogão utilizado. Por exemplo, quando duas pessoas preparam a mesma refeição, é possível que uma delas utilize o dobro de energia. O simples ato de tampar uma panela de água fará com que ela ferva na metade do tempo do que se estivesse destampada.

As panelas que você escolhe também fazem uma diferença no tempo de cozimento. Para maximizar a transmissão de calor dos fogões elétricos, encontre panelas de fundo plano que tenham contato total com as bocas do fogão. Limpe regularmente o depósito de gordura debaixo dos queimadores, já que uma superfície brilhante reflete o calor e reduz o tempo de cozimento. O tamanho do fogão e do forno também é importante. Somente utilize os fornos holandeses e as caçarolas quando for preparar grandes quantidades de comida.

Outros aparelhos de cozinha também podem reduzir os custos e o consumo de energia. O forno de microondas é um dos métodos mais baratos e que consomem menos energia, utilizando dois terços menos de energia do que os fornos elétricos. Mas, uma vez que os fornos de microondas são mais adequados para aquecer do que para cozinhar.

Texto de Cristen Conger

Deixe o seu comentário:

Fechar Menu