Tarefa escolar pode deixar jovem inventor rico no Reino Unido

Imagem: Reprodução BBC

Laurence Torre (13), morador de Croydon cidade inglesa ao sul de Londres já faz planos para pequena fortuna que espera ganhar nos próximos meses.

O garoto inventou uma campainha que ao ser acionada, caso ninguém atenda ao visitante dentro de oito segundos, faz uma ligação para o celular do dono da casa. O pequeno Laurence já recebeu mais de 20 mil pedidos de uma empresa interessada no produto e calcula que vai receber nos próximos meses cerca de 250 mil libras, isso sem contar com uma outra interessada em mais 25.000 unidades.

A ideia surgiu há um ano atrás, quando a mãe de Laurence estava esperando uma encomenda para ser entregue, mas não pode recebê-la, pois sempre que o carteiro a levava, não encontrava ninguém em casa.

“Na segunda ou terceira tentativa de entrega, em vez de deixar um bilhete dizendo ‘por favor venha ao correio pegar o seu pacote’, eu pensei por que eles não telefonam?
E a partir daí imaginei a ideia de colocar um celular dentro da campainha para poder falar com eles”.

Laurence patenteou a ideia e, com a ajuda de Paula Ward, uma amiga da família que também é inventora.

“Eu trabalhei com ele a partir de seus desenhos básicos, seguindo suas ideias e entrei em contato com algumas empresas para construir os protótipos”.

Margaret Laurence Torre mãe do pequeno inventor se disse emocionada e muito orgulhosa pelo filho.

A princípio o garoto queria apresentar o invento como um trabalho escolar, mas o projeto não ficou pronto a tempo, ele afirma que pretende reservar parte do dinheiro para pagar uma universidade no futuro, mas não vai deixar de aproveitar a outra parte com roupas, jogos e muito divertimento.

A invenção pode chegar às lojas britânicas ainda em setembro desse ano.

Compartilhe Também:

Este post tem 2 comentários

  1. Acho que essa patente vai cair por terra…
    Há a mesma função em centrais telefônicas PABX caseiras, onde o porteiro eletrônico ou campainha podem ser ligados á central, quando acionados, a central faz a ligação para o número pré-programado.
    As centrais da Intelbrás fazem isso, no Brasil, á mais de 10 anos… será difícil pro garoto pedir a patente de algo que já foi inventado.

Deixe o seu comentário:

Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: