Tecnologia portuguesa chega a Força Aérea dos EUA

A Critical Software, empresa portuguesa sediada em Coimbra, é a única empresa estrangeira a integrar um consórcio para fornecer serviços de tecnologia de informação para a Força Aérea dos EUA (USAAF).

“Estamos muito satisfeitos. Este acordo é o reconhecimento da qualidade do trabalho que desenvolvemos em mercados maduros e exigentes. A escolha da USAAF pela Critical Software permite à tecnologia portuguesa estar entre o grupo restrito de fornecedores qualificados” para desenvolver projetos de engenharia de software e TI para o sistema eletrônico da USAAF “, salienta Gonçalo Quadros, CEO da Critical Software.

A Critical Software atua no fornecimento soluções, serviços e tecnologias para os sistemas de informação críticos para empresas e organizações de diversos sectores. Teve as suas origens na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra. Gonçalo Quadros, Diamantino Costa e João Carreira conheceram-se em 1996 quando faziam doutorado em Engenharia de Informática, um ano mais tarde, João Carreira e Diamantino Costa, publicaram artigos técnicos em revistas especializadas debatendo vulnerabilidade dos sistemas Windows, o que chamou a atenção de analistas e empresas, pois as falhas de softwares críticos eram uma das grandes preocupações da indústria. Os artigos eram ainda mais apelativos pois apresentavam uma solução para o problema, um software que diagnosticava e recuperava automaticamente os problemas de mau funcionamento dos sistemas.

Foi assim que nasceu em 1998 a Critical Software, hoje além de Portugal, a empresa atua no mercado do Reino Unido, EUA, Brasil, Romênia e Moçambique.

[via Boas Noticias.pt]
Compartilhe Também:

Deixe seu comentário